Menu fechado

O que é welfare state?

Welfare State

Num período – de crescimento econômico, de crise – em que a lógica do seguro era insuficiente para atender as demandas da classe trabalhadora, assim como as expressões da questões. Consubstanciou-se uma política que ampliou a proteção social. Ocorrendo em vários países do globo, mas tendo como marco o Plano Beveridge, na Inglaterra, posto em prática em 1946 (note: período posterior a II Guerra Mundial).

A definição de welfare state pode ser compreendida como um conjunto de serviços e benefícios sociais de alcance universal promovidos pelo Estado com a finalidade de garantir uma certa “harmonia” entre o avanço das forças de mercado e uma relativa estabilidade social, suprindo a sociedade de benefícios sociais que significam segurança aos indivíduos para manterem um mínimo de base material e níveis de padrão de vida, que possam enfrentar os efeitos deletérios de uma estrutura de produção capitalista desenvolvida e excludente (GOMES, 2006). 


O que marca a emergência do Welfare State é justamente a superação da óptica securitária e a incorporação de um conceito ampliado de seguridade social com o Plano Beveridge na Inglaterra, que provocou significativas no âmbito dos seguros sociais até então predominantes (MARSHALL, 1967, p.81 apud BEHRING e BOSCHETTI, 2008).
Nesse sistema de proteção social, os direitos são universais, destinados a todos os cidadãos incondicionalmente ou submetidos a condições de recursos (testes de meios), e o Estado deve garantir mínimos sociais a todos em condições de necessidade. O financiamento é proveniente dos impostos fiscais (e não da contribuição direta de empregados e empregadores) e a gestão é pública, estatal. Os princípios fundamentais do sistema beveridgiano são a unificação institucional e a uniformização dos benefícios (Beveridge, 1943; Marshall, 1967; Palier e Bonoli, 1995; Castel, 1998 apud BEHRING e BOSCHETTI, 2008).
Ref.

BEHRING, Elaine Rossetti; BOSCHETTI, Ivanete. Política social: fundamentos e
história. São Paulo : Cortez, 2008. (Biblioteca Básica de Serviço Social, 2). 
GOMES, F. G. Conflito social e welfare state: Estado e desenvolvimento social no Brasil. In: Revista de Administração Pública. Rio de Janeiro: v. 40 no 2 março/abril de 2006.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *